Quem nunca passou por um momento de esquecimento? Esquecer onde deixou o celular, uma data importante, chaves. E a famosa frase ao se deparar com o esquecimento: Isso é coisa da idade com certeza.  Essa frase traz verdades e mentiras, o processo de perda de memória é algo natural com o envelhecimento, mas quando isso pode traduzir uma situação grave, e sinalizar por exemplo como o início de um quadro demencial?

A perda da memória não deve ser encarada como “natural” do processo de envelhecimento. No entanto, “com o passar dos anos o cérebro tende a ficar mais lento, o que leva alguns idosos a raciocinar, aprender e lembrar de informações com mais dificuldade.

Agora quando a perda de memória vem associada com esquecimento de outras situações corriqueiras e perda de outras funções cognitivas como a capacidade de nomear objetos, fazer atividades aritméticas que até então desempenhava, dificuldade de socialização, confusão sobre datas e em qual dia ou mês se encontra, a pessoa pode estar diante de um quadro que merece uma atenção e investigação mais criteriosa.

Quando suspeitar de um quadro inicial demencial em um idoso:

  • O idoso repete diversas vezes a mesma pergunta;
  • Perde-se em locais conhecidos;
  • É incapaz de seguir direções;
  • Fica confuso em relação ao tempo, pessoas ou locais;
  • Tem dificuldade em tarefas que envolvem o autocuidado, como banho e alimentação.

Nos últimos anos tem se evidenciado diagnósticos incorretos de demências, levando pacientes muitas vezes a tratamento onerosos e muitas vezes sem necessidade, e o que é mais perigoso, algumas vezes o quadro demencial pode estar associado a doenças sistêmicas que muitas vezes passam despercebidas. Por esse motivo, ao se deparar com esse quadro, é fundamental que o médico responsável juntamente com sua equipe, submeta o paciente aos testes que avaliam a função cognitiva e submeta o paciente a exames que descartem causas reversíveis de demências, entre elas: hipovitaminoses, Sífilis Terciária, Hidrocefalia de Pressão normal, hipotireoidismo e Tumores Cerebrais.

Portanto ao constatar os sintomas descritos acima, procure uma boa equipe multiprofissional capacitada para diagnosticar e tratar seu familiar.

Deixe seu Comentário